Bolsas de Estudo para o Ensino Superior

Candidatura a Bolsas de Estudo — Ano Letivo de 2020/2021

De acordo com o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo a Estudantes do Ensino Superior, a Bolsa de Estudo é uma prestação pecuniária anual para comparticipação nos encargos com a frequência de um curso ou com a realização de um estágio profissional de caráter obrigatório, atribuída pelo Estado a fundo perdido, sempre que o agregado do estudante não disponha de um nível mínimo adequado de recursos financeiros.

O requerimento para atribuição de bolsa de estudo para um ano letivo deve ser submetido entre o dia 25 de junho e 30 de setembro.

A candidatura pode ainda ser submetida fora deste prazo nos períodos e condições definidos no artigo 28.º do regulamento de atribuição de bolsas de estudo para estudantes do ensino superior, que poderá consultar aqui.

O processo de candidatura é feito através do acesso à área reservada do portal da DGES — Direção Geral do Ensino Superior

Portal da DGES - Direcção Geral do Ensino Superior


Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes do Ensino Superior

Regulamento Interno de Atribuição de Bolsas de Estudo Por Mérito

Na Escola Superior de Educação João de Deus, o processo de atribuição de bolsas de estudo por mérito processa-se de acordo com o disposto no Despacho n.º 13531/2009, de 9 de junho, alterado pelo Despacho n.º 7761/2017, de 4 de setembro e, ainda, no Regulamento Interno de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes matriculados na Escola Superior de Educação João de Deus.

Da análise dos percursos académicos escolares dos estudantes matriculados nesta Escola e indo ao encontro do disposto nas alíneas a) e b) do artigo 5.º do Despacho n.º 13531/2009, de 9 de junho, alterado pelo Despacho n.º 7761/2017, de 4 de setembro, determinou-se atribuir a bolsa de estudo dentro das seguintes condições:

> Alunos que tivessem obtido aprovação em todas as unidades curriculares que integram o respetivo plano de estudos e em todos os ciclos de estudos ministrados na Escola.
> Dentre estes os que se distinguiram com aproveitamento excecional e em que as médias das classificações das unidades curriculares não tivessem sido inferiores a “Muito Bom” (16 valores), prevalecendo a média mais elevada.
> Em caso de igualdade, considerar a classificação da Unidade Curricular de Iniciação à Prática Profissional, (LEB), Estágio Profissional (Mestrados Profissionalizantes), Trabalho de Projeto ou Dissertação (Mestrado em Ciências da Educação, variante de Supervisão Pedagógica) e Dissertação (Mestrado em Ciências da Educação, variante de Educação Especial – Domínio Cognitivo e Motor) ou Estágio (CTeSP), como fator de desempate.

Após a seriação, e no cumprimento dos Regulamentos em vigor, a Escola Superior de Educação João de Deus selecionou como candidatos à Bolsa de Mérito as/os alunas/os, com as médias mais altas, constantes na lista abaixo.

Ano letivo de 2018/2019

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Inês Dinis Cruz – aluna do 2º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 17,93 valores (Dezassete valores e noventa três décimas).

Ano letivo de 2017/2018

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Daniela Cátia Duque Noivo – aluna do 1º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 18,92 valores (Dezoito valores e noventa duas décimas).

Ano letivo de 2016/2017

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Inês Maria Cordeiro Monteiro – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16,75 valores (Dezasseis valores e setenta e cinco décimas).

Ano letivo de 2015/2016

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Maria Luciana Perestrelo Favila da Cunha Paredes – aluna do 3.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 18,26 valores (Dezoito valores e vinte e seis décimas).

Ano letivo de 2014/2015

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Maria Luciana Perestrelo Favila da Cunha Paredes – aluna do 2.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 18,26 valores (Dezoito valores e vinte e seis décimas).

Ano letivo de 2013/2014

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Maria Luciana Perestrelo Favila da Cunha Paredes – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 18,16 valores (Dezoito valores e Dezasseis décimas).

Ano letivo de 2012/2013

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 2)

Alexandra Sofia Haran Nogueira – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 17,38 valores (Dezassete valores e trinta e oito décimas).

Cátia Sofia Ferreira Coimbra – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16,57 valores (Dezasseis valores e cinquenta e sete décimas).

Ano letivo de 2011/2012

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 2)

Ana Alexandra Domingues de Almeida – aluna do 2.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 17,04 valores (Dezassete valores e quatro décimas).

Isa Alexandra Pires de Lacerda – aluna do 3.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 17,21 valores (Dezassete valores e vinte e uma décima).

Ano letivo de 2010/2011

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 1)

Ana Alexandra Domingues de Almeida – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 17,72 valores (Dezassete valores e setenta e duas décimas).

Ano letivo de 2009/2010

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 2)

Isa Alexandra Pires de Lacerda – aluna do 2.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16,24 valores (Dezasseis valores e vinte e quatro décimas).

Sabrina Paulino de Oliveira Mestre – aluna do 2.º ano do Curso de Licenciatura em Gerontologia Social, com a média de 16,20 valores (Dezasseis valores e vinte décimas).

Ano letivo de 2008/2009

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 2)

Ana Rita Frieza Cardoso – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16,18 valores (dezasseis valores e dezoito décimas).

Valeriya Kalyuga – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Gerontologia Social, com a média de 17,10 valores (Dezassete valores e dez décimas).

Ano letivo de 2007/2008

(Máximo de Bolsas por Mérito que podem ser atribuídas: 2)

Maria Francisca de Vasconcelos Macedo – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16 valores (Dezasseis valores).

Sara Patrícia Pedro dos Santos – aluna do 1.º ano do Curso de Licenciatura em Educação Básica, com a média de 16 valores (Dezasseis valores).